Santa Cruz da Vitória: Ação desastrosa do ex-prefeito Jackson Bomfim causa prejuízo e atraso no início de obras no município

Nos últimos meses, o município de Santa Cruz da Vitória tem sido contemplado com diversas verbas para realização de obras. Porém, devido a uma condenação para pagar honorários de sucumbência à União (processo nº 1194220104013311), na Justiça Federal em 2013, hoje as obras encontram-se impossibilitadas de iniciar.
O ex-prefeito, Jackson Bomfim foi intimado em 2014 e 2016, apesar das inúmeras cobranças judiciais, não cumpriu com o pagamento do precatório e por conta disso, todas as verbas federais conquistadas encontram-se atualmente bloqueadas devido a medida liminar na justiça.
Para conseguir liberação das certidões que permitem ao município receber os recursos para a execução das obras de requalificação de avenida, reconstrução do auditório do CME e da reforma da Feira, foi necessária a aplicação de R$ 41.055,87 (quarenta e um mil, cinquenta e cinco reais e oitenta e sete centavos). Apesar das dificuldades financeiras em que o município está passando, foi obrigatório o uso de recursos próprios que seriam usados em outros pagamentos, para poder quitar a dívida do precatório atrasado. 
Graças aos esforços do prefeito Carlos André e equipe, a liminar está saindo e as obras que beneficiarão toda a comunidade santa-cruzense serão iniciadas em breve.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário