Maia é contra isenção de culpa a proprietário rural que atirar em invasor

A medida é uma promessa de campanha de Jair Bolsonaro aos produtores rurais brasileiros.

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou ser contra a proposta do presidente da República, Jair Bolsonaro, de dar salvo-conduto a donos de terras que protegerem suas propriedades da ação de invasores.
Em conversa com a Folha, na quinta-feira (2), Maia afirmou que só tratou com Bolsonaro sobre a posse de arma em todo o perímetro da propriedade rural:
“Ele conversou comigo sobre a posse estendida no campo, isso eu concordo e acho que a maioria das pessoas concorda. O outro assunto [o salvo-conduto] ele não tratou comigo.”
A proposta de Bolsonaro foi feita durante sua participação no Agrishow, evento com produtores rurais em Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, na última segunda-feira (29).
A medida é uma promessa de campanha de Bolsonaro aos produtores rurais brasileiros.
“Eu seria inconsequente e irresponsável de deixar o homem do campo desarmado e a mercê do MST e outras bandidagens”, afirmou Bolsonaro, em maio de 2018, como noticiou a RENOVA.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário