Santa Cruz da Vitória teve dois representantes no encontro de formação da Rede Educom

Aconteceu entre os dias 28 e 29 de março, no auditório do Hotel Morumbi, em Itapetinga, diversas oficinas de formação do colegiado Território do Médio Sudoeste para a criação da Rede Educom. Esse evento teve como realizadores o Grupo Banco Mundial, Projeto Bahia Produtiva, Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR) e o Governo do Estado e conta com o apoio da cidade sede do evento e a participação de representantes das cidades do território Sudoeste, além da sociedade civil organizada.
A cidade de Santa Cruz da Vitória foi representada pelos funcionários da prefeitura Simony Cirqueira (Gabinete) e Thiago Magalhães, (secretaria de Meio Ambiente) e a Associação dos Apicultores de Santa Cruz da Vitória. Segundo Simony Cirqueira, o Governo do Estado ofertou o curso e parte das despesas para os participantes das cidades vizinhas e a prefeitura de Santa Cruz da Vitória arcou com a outra parte. “Tivemos todo o apoio do prefeito Carlos André para participarmos desse tão importante evento”, disse Simony.
Durante os dois dias aconteceram oficinas de Controle Social, Educomunicação, Políticas Públicas, Inclusão e Renda, Territórios e Redes, Linguagens Audivisuais e Multimídias e as oficinas foram ministradas pelos orientadores Marcelo Rocha, chefe do Departamento de Formação de Órgãos Colegiados; Meg Medeiros, Produtora Audiovisual, Cinegrafista e Técnica do DFOC; Roque Aparecido, Sociólogo e membro do setor pedagógico do DFOC e Jonas, que deu o suporte e apoio geral do DFOC e motorista.

OFICINAS FORMATIVAS

As oficinas formativas foram voltadas para o processo de construção das políticas territoriais na Bahia, através da descoberta e estímulos, ocorrendo como dispositivos abertos na metodologia dialógica freriana. Com efeito, as oficinas valorizam o universo dos seus participantes como campo de investigação da realidade de cada indivíduo.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia.