PF cumpre mandados de busca e apreensão no caso Brumadinho

A Polícia Federal (PF) cumpre ontem (16) cinco mandados de busca e apreensão dentro das investigações que apuram as causas do rompimento da barragem da Vale em Brumadinho (MG). O presidente da Vale, Fábio Schvartsman, é alvo pela primeira vez desde que as investigações começaram. A casa dele em São Paulo foi um dos endereços visitados pela PF.
A barragem rompeu em 25 de janeiro e causou a morte de 229 pessoas. Outras 48 pessoas estão desaparecidas. A polícia cumpre os mandados em Belo Horizonte (2), São Paulo (1), Rio de Janeiro (1) e Nova Lima (1), na Região Metropolitana da capital mineira.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.