Rui diz que governo mantém clima de guerra e sugere buscar diálogo direto com o Congresso

O governador Rui Costa criticou o presidente Jair Bolsonaro e o acusou de manter o ambiente de guerra das eleições. Em entrevista ao site Valor Econômico, ele indicou que os governadores devem tentar manter diálogo direto com o Congresso Nacional se não conseguirem contato com o Palácio do Planalto. Para Rui, o governo Bolsonaro deveria estar disposto a promover a união. “A minha sensação é que eles estão tentando governar com a mesma beligerância e o mesmo ambiente de guerra que foi a campanha”, disse o governador da Bahia. Ele disse ainda que está “imensamente preocupado” com a postura do presidente. Segundo Rui, a conversa direta com o Congresso seria uma alternativa para buscar a sobrevivência dos Estados. “Se o ambiente for esse, cada um vai buscar se virar como pode. Os governadores, se não encontrarem como não encontramos até aqui um diálogo com o governo, vamos buscar dialogar direto com o Congresso Nacional”, declarou. Na terça (26), Rui e outros governadores se reuniram com o ministro da Economia, Paulo Guedes, para discutir a reforma da Previdência. Ainda de acordo com o Valor Econômico, ele avaliou que os representantes do governo federal “têm uma postura às vezes de arrogância, agressiva”.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia.