'Fui punido por ter feito minha obrigação', diz fiscal que multou Bolsonaro e foi exonerado

O ex-servidor do Ibama José Olímpio Augusto Morelli, que multou o presidente Jair Bolsonaro por pesca irregular, acredita que foi exonerado, na quinta-feira (28), devido à penalidade aplicada ao então deputado federal.
“A conexão é total. Fui punido por ter feito minha obrigação”, alegou, em entrevista à Piauí. Morelli enxergou motivação política na exoneração e prevê que outras se seguirão. “Vejo tempos sombrios no Ibama”, avaliou. 
Ele era chefe do Centro de Operações Aéreas, divisão do Ibama responsável pelas aeronaves usadas para fiscalização do desmatamento na Amazônia e outras missões.
O ex-servidor teme que a mudança de cargos atrapalhe o controle ambiental da área. “Se você começar a desconstruir [o Centro de Operações Aéreas], comprometerá a nossa operação na floresta amazônica, que é toda baseada no deslocamento aéreo”, afirmou.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.