.

.
Consultoria em Gestão Pública

SIGA NO TWITTER

Município

[Ibicaraí e Região][twocolumns]

Municípios

[Municípios][bleft]

Slogan de Temer não custou nada, diz aliado após Bolsonaro anunciar economia de 1,4 mi

Jair Bolsonaro e aliados anunciaram na sexta-feira (4) a economia de mais de R$ 1,4 milhão com a criação e divulgação do slogan do seu governo, na linha de seu discurso de campanha de prometer rigor absoluto com os gastos públicos.
A equipe de comunicação do antecessor Michel Temer, porém, afirma que também não gastou recursos com o lançamento do slogan e da logomarca do emedebista, em maio de 2016, e que desconhece o valor ecoado pelo atual presidente da República como economia com a mesma ação.
"Não custou nada quando lançamos o 'Ordem e Progresso'. Elsinho [Mouco, publicitário de Temer e do MDB] fez a logo e doou para o governo", afirmou à reportagem Márcio de Freitas, chefe da Secom (Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência) durante a gestão emedebista.
"Usamos depois na publicidade normalmente, sem lançar marca ou fazer qualquer ação específica, além da divulgação à imprensa", completou.
Bolsonaro lançou em suas redes sociais nesta sexta o slogan "Pátria Amada Brasil" como marca do Planalto, reforçando o discurso nacionalista explorado por ele durante toda a campanha eleitoral e após a eleição.
A frase é acompanhada por uma imagem estilizada da bandeira do país, na qual o círculo central se assemelha ao nascer do sol. 
O novo presidente afirmou que a idealização da logomarca e do bordão foi feita pela Secom e celebrou o "custo zero" da ação, por ter sido divulgada pela internet. 
"A parte mais importante é que a divulgação está sendo lançada na internet com custo zero, economizando mais de R$ 1,4 milhão aos cofres públicos se fosse realizada pelos canais tradicionais de televisão", escreveu.
O chefe da Secom de Temer, porém, afirmou que não sabe de onde Bolsonaro tirou esse valor.
"Usamos a 'free mídia' naquela oportunidade. Não nos custou nada, nem fizemos filme específico para isso. É uma questão apenas de estratégia", disse Freitas.
Pessoas familiarizadas com a divulgação de conteúdo afirmam que a equipe de Bolsonaro pode ter feito um levantamento de valores para veicular a campanha em grandes emissoras de TV, por exemplo, o que não é comum nesse tipo de ação institucional -um filme de 30 segundos, por exemplo, pode custar até R$ 500 mil para ser divulgado em um canal de TV.
Questionada sobre os detalhes do cálculo divulgado por Bolsonaro, a assessoria do Palácio do Planalto não respondeu até a publicação desta reportagem.
O slogan de Temer também era baseado na bandeira do Brasil e seus dizeres, na esteira das manifestações verde e amarelas que apoiaram o impeachment de Dilma Rousseff, em 2016.
Bolsonaro foi eleito com uma campanha de declarado baixo custo, baseada na divulgação de informações pelas redes sociais. 
Sua retórica de corte de gastos e ajuste fiscal marcou também a fase de transição e o início do governo, com a redução do número de ministérios e a divulgação de uma espécie de pente-fino nos atos dos últimos 60 dias do governo Temer. 
As ações, no entanto, ainda não têm nenhum efeito prático de economia no funcionamento da máquina pública, até porque os ministérios extintos tiveram boa parte de sua estrutura absorvida pelas novas pastas.
Poste um Comentário
  • Blogger Comment using Blogger
  • Facebook Comment using Facebook
  • Disqus Comment using Disqus

Nenhum comentário :


Geral

[Geral][twocolumns]

.

.

Esporte

[Esporte][bleft]

Eventos

[Eventos][twocolumns]

Jurídicas

[Jurídicas][bleft]