IPTU 2018: VOCÊ PAGA E A CIDADE CRESCE!

IPTU 2018: VOCÊ PAGA E A CIDADE CRESCE!

SIGA NO TWITTER

Município

[Ibicaraí e Região][twocolumns]

Municípios

[Municípios][bleft]

Itabuna: Em reunião, prefeito diz que não retira projeto

Na sexta-feira (17) servidores, AC/ACE, professores e guardas municipais realizaram uma manifestação no estacionamento da prefeitura, protestando contra a posição do governo em relação à mudança de regime, os constantes atrasos de salários, o não pagamento de férias e o assédio moral, especialmente no que tange aos agentes de trânsito da Sesttran, que estão aquartelados, passando por todo tipo de humilhação, porque reivindicaram o pagamento de seus salários atrasados.
Após a manifestação, representantes do Sindserv (Sindicato dos Servidores e Servidoras Municipais de Itabuna), do SINDIACS/ACE (Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias do Sul e Extremo Sul da Bahia), do Simpi (Sindicato do Magistério Municipal Público de Itabuna) e do Sindguarda (Sindicato dos Guardas Civis Municipais do Estado da Bahia) reuniram-se com o prefeito de Itabuna, Fernando Gomes, para tratar das reivindicações dos sindicatos e de suas respectivas categorias, como o projeto de Estatuto, férias, atrasos de salários e assédio moral. A reunião foi mediada pelo promotor de Justiça, Drº Dioneles Leone Santana Filho e contou com a participação de alguns vereadores, do procurador geral do município, Luiz Fernando Guarniere, da secretaria de governo, Maria Alice Pereira, e do secretário de administração, Dinailson Costa.
Na prática o encontro não trouxe avanços. Só serviu para o prefeito reclamar da situação financeira do município e reafirmar que não vai retirar o projeto que altera o regime jurídico dos servidores da pauta da Câmara. Dessa forma, o prefeito rejeitou as principais reivindicações dos sindicatos e das categorias, que eram a retirada do projeto para que houvesse tempo suficiente para se aprofundar os estudos acerca do projeto e construir o estatuto junto com a prefeitura (conforme determina a Lei Orgânica do município), e que a construção/implantação do Plano de Cargos Carreira e Remuneração tramitasse na Câmara, concomitantemente com a mudança do regime, o que seria uma garantia de que o governo não daria um golpe nos trabalhadores após a aprovação. Mas a fala do prefeito deixou claro que as negociações de ajustes no projeto serão feitas com o legislativo municipal, não com o executivo. A intenção do governo é votar o projeto no próximo dia 29/08.
Enquanto isso, a greve dos servidores e servidoras municipais de Itabuna continua. Na próxima segunda-feira (20), o Sindserv realizará uma assembleia, às 09 horas, no auditório do Sindicato dos Comerciários, onde serão avaliados o movimento paredista, o enfrentamento ao Estatuto e a reunião com o prefeito.
Poste um Comentário
  • Blogger Comment using Blogger
  • Facebook Comment using Facebook
  • Disqus Comment using Disqus

Nenhum comentário :


Geral

[Geral][twocolumns]

.

.

Esporte

[Esporte][bleft]

Eventos

[Eventos][twocolumns]

Jurídicas

[Jurídicas][bleft]