Município

[Ibicaraí e Região][twocolumns]

Municípios

[Municípios][bleft]

A HERANÇA DOS NOSSOS FILHOS E NETOS.

Sempre ouvimos as pessoas perguntarem umas as outras: Que herança pretendemos deixar aos nossos filhos e netos? E não estamos perguntando sobre patrimônios, valores, ações. Na verdade estamos falando de uma herança diferente, algo muito maior, uma riqueza extraordinária que está sendo dizimada, dilapidada e estamos permitindo essa dilapidação sem fazermos nada. As nossas florestas estão sendo destruída com uma rapidez espantosa, a natureza sofre com esse desmatamento, há uma necessidade urgente de pararmos com esse tipo de predadores, pois se continuarmos a desmatarmos as nossas florestas, deixaremos para os nossos filhos e netos regiões áridas e semiáridas e até mesmo imensos desertos. Nossos rios, os mananciais de água estão sendo poluídos, em seus leitos há lixo e sujeira, a falta de proteção nas nascentes está matando nossos rios, os esgotos estão sendo jogado nos leitos dos rios e a cada dia a população sofre por falta de água potável e o que nos levam a pensar em racionamento de água. O nosso ar, o ar que respiramos está sendo poluído pelas fabricas e pelos automóveis e a cada dia surge mais e mais buracos no ozônio e a população encontra-se adoentada, com problemas respiratórios, o mesmo povo que polui é o mesmo povo que adoece.
A maioria desses fatores acontece pela deseducação do povo. O homem está acostumado a pensar no agora, na atualidade, no momento em que está vivendo e esquece que o futuro irá existir para os filhos, netos, bisnetos. O homem imagina que a sua vida é que importa, o que ele está vivendo é que importa e não se preocupa como deixará o mundo para o futuro. O mundo que agora vivemos é uma herança recebida dos nossos antepassados e ao recebê-lo pegamos também a obrigação de conservá-lo para os que virão após a nossa morte. Mas estamos mudando o mundo como se o futuro não existisse e como se não tivéssemos a responsabilidade de conservá-lo. É preciso educar para a vida. Para educar com sucesso, é necessário se auto educar, pois, em questões morais, só o exemplo funciona a contento. Não podemos nos calar diante da corrupção que campeia os setores político e empresarial do nosso país e nem podemos ficar calados diante da exploração sexual das nossas crianças, da violência contra as mulheres e idosos, com a falta de estrutura que deixam tantos jovens sem nenhuma expectativa para vida e buscam a marginalidade como modelo para sobreviver. Mas a maioria fica indiferente com o crescimento da violência. É o egoísmo humano prevalecendo.
Que herança deixaremos para as futuras gerações se não colocamos anteparo à ganância pelo lucro, se emporcalhamos os rios com mercúrio e os mares com petróleo e esgotos? Que herança deixaremos aos nossos filhos, se erotizamos nossas crianças e depois nos admiramos que pré-adolescentes engravidem? Como podemos exigir coerência aos nossos filhos se não somos coerentes nem conosco mesmo? O que podemos fazer para mudar o quadro que se apresenta no presente e modificarmos o futuro dos nossos filhos e netos? De que maneira poderemos dar a eles uma herança melhor do que a que estamos construindo agora? Como podemos modificar todas as mazelas que se apresentam no nosso presente, para construirmos um futuro mais aprazível e melhor para a geração futura? São perguntas que, infelizmente, não tenho nenhuma resposta.
Texto de Maria José Gonçalves (Tia Nen)
Psicóloga formada pela Universidade Salesiana de Vitória do Espirito Santo.
tianenreis@hotmail.com
Poste um Comentário
  • Blogger Comment using Blogger
  • Facebook Comment using Facebook
  • Disqus Comment using Disqus

No comments :


Geral

[Geral][twocolumns]

.

.

Esporte

[Esporte][bleft]

Eventos

[Eventos][twocolumns]

Jurídicas

[Jurídicas][bleft]